jusbrasil.com.br
15 de Setembro de 2019

Novos limites: Decreto veta porte de arma para policial civil fora do estado de atuação

AUDIÊNCIA BRASIL, Administrador
Publicado por AUDIÊNCIA BRASIL
há 23 dias


Por meio do Decreto Nº 9.981, o presidente Jair Bolsonaro revogou a possibilidade de membros das polícias civis estaduais e forças auxiliares portarem arma de fogo fora de sua localidade de atuação.

A permissão estava prevista no Decreto 9.847, editado em junho, e foi anulada pela nova determinação, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (21/8).

O trecho dizia que "os integrantes das polícias civis estaduais e das Forças Auxiliares, quando no exercício de suas funções institucionais ou em trânsito, poderão portar arma de fogo fora do ente federativo em que atue, desde que expressamente autorizados pela instituição a que pertençam, por prazo determinado, conforme estabelecido em normas próprias".

O decreto publicado nesta quarta também faz alterações em outros pontos do decreto anterior relacionados à arma de fogo de uso restrito. E veda a importação de armas, munições e assessórios por meio de serviço postal e similares.

(Por:Rafa Santos / Fonte: Conjur)

📰 Leia também:

➡️ Mega Combo de Petições - 14 x 1 - Revisão da Vida Toda, Previdenciário, Bancário, Penal, Cível, Tributário e muito mais...

➡️ Aprenda todos os detalhes de como entrar de forma correta com a Ação de Correção do FGTS...

➡️ Restituição do ICMS da Conta de Luz - Material Completo - Inclui planilha de cálculo detalhada e atualizada para apuração mensal do valor do ICMS

2 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Um erro. continuar lendo

Ao contrário. Libera o porte de arma em todo o território nacional, como era antes. continuar lendo